Informativos

Dicas


Contra a dor crônica, o remédio é se mexer

Fisioterapeuta do Viver Bem fala sobre a importância de manter a rotina de exercícios físicos no inverno



O início de julho foi marcado pelas baixas temperaturas na Grande Vitória e, para aproveitar o friozinho sem abrir mão do bem-estar e saúde, é preciso manter a rotina de atividades físicas. A recomendação torna-se ainda mais necessária para os pacientes que sofrem de dor crônica. 

“Em épocas frias, as pessoas que vivem em países tropicais como o Brasil têm a tendência de diminuir suas horas de atividades ao ar livre, caminhadas e exercícios, reduzindo sua movimentação. Com a falta dos exercícios, o corpo diminui a produção dos ‘analgésicos’ naturais, como endorfinas e outras substâncias responsáveis pela sensação de bem-estar”, explica o fisioterapeuta do Viver Bem, Gustavo Pizol.

A redução da produção de endorfina pode acarretar no aumento do nível de estresse e de ansiedade que, de acordo com o fisioterapeuta, estão diretamente ligados com o nível de dor. Para reverter esse quadro, Gustavo destaca a importância da atividade física. 

“Se mantenha ativo: este conselho é válido para todas as estações do ano. Faça algum exercício, qualquer um, mas faça. Se as dores estiverem impedindo de realizar a atividade, procure um fisioterapeuta para te avaliar e orientar sobre o que fazer. Orientações, quebras de mitos, trabalhos em equipe são fundamentais para o retorno a uma vida normal”, reforça. 

Apoio contra a dor
O Grupo de Dor Crônica, promovido pelo Viver Bem, é voltado para os pacientes que sofrem de dor crônica, fibromialgia e lesões osteomioarticulares. Por meio dele são oferecidas sessões de fisioterapia especializada em terapia manual voltada para dor crônica, atividade física funcional dirigida, grupos terapêuticos para tratamento da ansiedade e estresse, bem como orientações e educação em saúde com foco na melhoria da qualidade de vida. 

O trabalho é realizado por uma equipe multiprofissional com educador físico, fisioterapeuta, psicólogo e, de acordo com avaliação em saúde realizada junto ao cliente, há também o atendimento de nutricionista.
 
Para mais informações e inscrições ligue 3134.7520.